Tags

, , , , , , ,

Se existe uma coisa que aprendi desde muito pequena foi: “se usar maquiagem, retire tudo antes de dormir”. Não sei bem quem incutiu isso em minha mente (minha mãe sequer usa batom), mas funcionou. Jamais fui para cama maquiada. Mesmo se chegasse super cansada, lá estava eu removendo tudo.
O primeiro produto que usei para essa missão foi o creme Vita Moist, da Avon. A função dele é hidratar, mas funcionava direitinho na remoção de make.

Claro que, como removedor de make, o vita Moist nunca foi, assim, uma maravilha, mas servia. Então, só fui aderir, de fato, aos demaquilantes quando minha irmã se tornou revendedora dos produtos da Natura. Por muitos anos usei o Demaquilante Bifásico, da linha Chronos. Aliás, só o abandonei quando a marca decidiu parar de fabricá-lo (no ano passado).

Sem conhecer outros produtos, estava bastante satisfeita com a belezinha aí de cima. Às vezes ficava com os olhos irritados ou ardendo de tanto esfregar, mas achava que era normal. Ignorâmcia é triste, viu?!
De qualquer forma, depois de ficar órfã de removedor de make, comecei uma pesquisa em sites e blogs na procura de um substituto. Li muita coisa e resolvi testar aqueles produtos que estavam ao meu alcance financeiro. Descobri que muitas meninas usavam o Shampoo Johnson´s Baby e falavam maravilhas dele. Achei estranho, mas, fui conferir. Não gostei! Não uso maquiagem pesada, muito menos a prova d’agua e quer saber? Meu rímel não saiu. Precisei esfregar muito e ainda assim o resultado foi pior do que obtinha com o Natura Chronos.

Por isso, continuei a pesquisa e a Johnson&Johnson não saía das indicações. Agora, com outro produto, o óleo para bebês. Voltei ao mercado e dessa vez, sim, o resultado foi melhor do que o esperado.

Ele não apenas retirou qualquer resquício de maquiagem, com uma facilidade impressionante, como não irritou meus olhos. Perfeito, não? Não! Seria, não fosse um único probleminha essencial da fórmula: ele é um óleo, e, assim, deixa a pela muito oleosa, sendo necessário lavar o rosto imediatamente após seu uso. Mas, pra quem não pode ir à Paris, comprar aquela belezura de Bioderma, acho que tá valendo.

Imagens: divulgação
Foto (demaquilante Natura): Ingrid Guerra

Anúncios