Desde 2008 ouço comentários do tipo: “não podemos mais falar em tendências”, “hoje em dia tudo é permitido quando o assunto é o vestuário” etc. Eu acredito até que essa teoria tenha raízes mais antigas. Mas até 2008 me dedicava apenas ao mundo das guerras, devido ao meu desejo de tornar-me uma correspondente internacional. Então, deixemos assim, um marco que começa em 2008.

Contudo, desde lá, continuo vendo as pessoas querendo insistir nas ditas tendências. Poxa, se tudo pode ser usado, se tudo é tendência, porque continuar batendo o pé em algo tão desnecessário? Tá certo que as pessoas morrem de medo de usar determinados tipos de vestimenta e talvez precisem de um pouco de orientação. Agora, será que essa orientação errônea não foi o que as fez ficar exatamente dessa forma? Algo para se refletir.

SS12-trends-lander

Imagem meramente ilustrativa: Elle

Anúncios