Tags

O ser humano é mesmo um bicho esquisito. Não só porque, no caso das mulheres, todo mês sangra e não morre por isso, mas pelas variações de sentimentos que tem em minúsculos intervalos de tempo. Um bom exemplo disso foi a minha reação a roupa com a qual a atriz Hilary Duff surgiu no lançamento do livro “The Beauty Detox Solution”, da nutricionista Kimberly Snyder. Apesar de ser uma síntese do que eu considero um ícone da desvalorização da mulher, o traje, a meu ver, ficou uma graça. Gostei de verdade dele.

Veja bem: eu concordo com qualquer pessoa que disser que esse decote arredondado, na altura em que se encontra, deixa qualquer pessoa (a não ser a mais bulímica das mulheres) com um ar de matrona. O espaço de uma alça a outra, deixando tanta pele disforme a mostra, acaba por conferir à usuária no mínimo uns 2 quilos a mais.
O segundo item que pede uma crítica é esse modelo de calça espanador de chão. Eu já morro de dó ao ver atrizes esfregando milhões de dólares nas ruas com seus vestidos esvoaçantes (apesar de achar lindo), quem dirá uma calça, sério, não dá. Sinceramente, fica desleixado demais e nada feminino. Além de super incômodo.

O sapato, então, nem se fala. Graças ao bom Deus, ele permaneceu escondidinho. Só por um descuido apareceu para dar mais credibilidade à análise. O cinto, ainda não me decidi sobre o que dizer. Por isso, prefiro ficar caladinha.
Agora, apesar de tantos pontos negativos, quando vejo o look todo nas fotos eu o acho tão elegante. Sério, olha de novo aí em baixo, não tá um charme? Eu achei.

Se a roupa fosse minha, talvez eu fizesse a barra na calça, pra ficar numa altura confortável, que escondesse o sapato, mas não espanasse o chão. Fora isso, não faria ourtas alterações. No fim, tenho que baixar a cabeça e concordar que, mesmo errando em tudo, Hilary acabou fazendo a coisa certa.

Imagens: Just Jared

Anúncios